Review: Justin Timberlake – Say Something (feat. Chris Stapleton)

Uma semana antes de lançar o “Man of the Woods” (2018), Justin Timberlake nos presenteou com “Say Something”, uma colaboração com Chris Stapleton. O cantor country de Nashville se apresentou com Justin Timberlake pela primeira vez no Country Music Awards de 2015. É provavelmente o single mais agradável que ele lançou até agora. “Filthy” é um número electro-funk obscuro que dividiu opiniões, enquanto “Supplies” é uma fatia de R&B sem qualquer profundidade. Sem batidas exageradas e pesados sintetizadores, as guitarras acústicas dominam a produção – uma pequena fatia de country rock com um refrão imensamente repetitivo.

Certamente, possui a melhor melodia que ouvimos até agora. Entretanto, embora seja impulsionada pela guitarra acústica, palmas e percussão, “Say Something” possui letras que literalmente não dizem absolutamente nada – e eles parecem orgulhosos disso. “Às vezes, a melhor maneira de dizer algo é não dizer absolutamente nada”, eles cantam aqui. O lirismo é realmente repetitivo e sem sentido – eles definitivamente não chegam a lugar algum. Assim como “Filthy”, esse single foi produzido por Timbaland e Danja, antigos e frequentes colaboradores do Justin Timberlake (aliás, o primeiro já lançou uma música com esse mesmo título em 2009). Entretanto, em vez de criar um crossover country interessante, eles preferiram adicionar uma percussão sem graça ao lado de algum trabalho de guitarra acústica.

Este foi o ajuste ideal para Justin Timberlake e Chris Stapleton trocarem versos e cantarem sobre nada: “Todos dizem: fale alguma coisa / Vamos falar alguma coisa, falar alguma coisa”. Realmente não está claro sobre o que exatamente essa música fala. Mas, aparentemente, eles não querem “ficar presos nesse ritmo” – acho que eles ainda não ouviram o novo single da Katy Perry; todos nós já estamos acorrentados ao ritmo. Infelizmente, “Say Something” é outra peça desconfortável com acordes enfadonhos e letras desprovidas de significado. Depois de ouvir essa música por vezes suficientes, você percebe o quanto Justin Timberlake perdeu sua direção artística. Certamente, “Say Something” não é tão irritante quanto “Supplies”, afinal a melodia é agradável. Mas se você estiver procurando por algo inteligente, pungente ou fresh, com certeza vai se decepcionar. Embora seja mais radio-friendly do que os dois primeiros singles, não é forte o suficiente para tornar-se memorável.

São Paulo, profissional de Recursos Humanos, apaixonado por músicas, filmes, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.