Best New Music: Young Thug – High (feat. Elton John)

Lançamento: 24/09/2018
Gênero: Hip hop
Produtor: Stelios Phili
Compositores: Jeffery William, Elton John e Bernie Taupin.

No novo EP do rapper Young Thug, lançado em 24 de setembro de 2018, há uma colaboração surpreendente com Elton John. Na verdade, não é um dueto apropriadamente dito, uma vez que “High” apenas interpola vocais do álbum “Honky Château” (1972), particularmente do famoso single “Rocket Man (I Think It’s Going to Be a Long, Long Time)”. Young Thug tem muitos motivos para ser confiante, afinal ele é um rapper com grande originalidade. Seus colegas recém-chegados podem se surpreender com a emoção que ele consegue injetar em cada música. Com uma voz emotiva e um ouvido aguçado para a melodia, Thug provou continuamente que seu talento é inegável. “High” o encontra usando um fluxo melódico sobre uma progressão de piano, tambores incrivelmente suaves e alguns chimbais. Impulsionado pelo próprio Elton John, é uma faixa lúdica que não se sente forçada mesmo usando um clássico de 50 anos atrás. A exuberante amostra de “Rocket Man” tornou-se o ajuste perfeito para o Young Thug cuspir suas rimas.

Apesar do conteúdo lírico brincalhão, a cadência expressiva do rapper e o conteúdo lírico sugerem uma luta interna, embora tal teoria seja apenas especulação. De qualquer maneira, “High” funciona em vários aspectos. Elton John não é um estranho para o mundo do hip-hop, uma vez que colaborou anteriormente com o Eminem e o Timbaland. Embora colaborações entre diferentes gêneros nem sempre funcionem, é animador ouvir uma canção desse nível. Gravado em 2016, este destaque possui vocais eufóricos e apaixonados, e uma cadência que voa livremente pelo rap tradicional. “E eu vou ser alta / Eu sou um homem-foguete”, Elton John canta no maravilhoso refrão. “High” mal foi lançada e já está entre as melhores músicas da discografia do Young Thug. Surpreendentemente, a voz fantasmagórica do Elton John casou perfeitamente com o tom imperfeito do rapper. O produtor Stelios Phili não apagou a sensação dramática de “Rocket Man”, enquanto os acordes de piano são intimamente ligados à bateria e os sintetizadores. Os falsetes do Young Thug estão cheio de auto-tune, mas isso não tirou a melancolia da música do Sir Elton John. A energia que ambos compartilham é impressionante!

São Paulo, 22 anos, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas e séries. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.