Review: Poliça & s t a r g a z e – Music for the Long Emergency (2018)

Lançamento: 16/02/2018
Gênero: Synthpop, Indietronica
Gravadora: Transgressive Records
Produtor: Ryan Olson.

Poliça é uma banda americana de synthpop formada em 2011, composta por Channy Leaneagh, Chris Bierden, Ben Ivascu, Drew Christopherson e Ryan Olson. Até o momento, eles já lançaram quatro álbuns de estúdio. O último deles, “Music For the Long Emergency”, é uma colaboração com s t a r g a z e, uma orquestra de Berlim, Alemanha. Poliça sempre teve o dom de se reinventar e nunca se tornava obsoleto. O seu disco de estreia, “Give You the Ghost” (2012), fez uma mistura obscura com a música eletrônica num momento onde bandas como Purity Ring começavam a surgir como inovadores. Embora os álbuns seguintes tenha feito desvios sonoros, foi uma jornada intrigante para os cinco membros. Neste novo projeto, Poliça está aparentemente embarcando em algo que os afasta de sua zona de conforto. A ideia de um grupo eletrônico se unir à arranjos clássicos pode soar um pouco estranho. Consequentemente, “Music For the Long Emergency” serve como uma experimentação para a banda. Entretanto, apesar da boa intenção, este álbum é experimental demais para ser aproveitado por toda a sua extensão. Aqui não há um ambiente definido e nenhum estilo específico. Em outras palavras, a colaboração entre Poliça e s t a r g a z e simplesmente não funcionou.

“Music For the Long Emergency” falha e não deixa espaço para novos admiradores. Infelizmente, esta possível reinvenção obteve resultados frustrantes. É um registro com muito potencial inexplorado que não consegue cativar ao longo de seus 37 minutos de duração. A partir da primeira faixa, “Fake Like”, o ouvinte é embalado por um clima descontraído. O baixo é tocado tranquilamente, enquanto as cordas dão um maior impulso aos vocais de Channy Leaneagh. Certamente, esta faixa deixa as coisas completamente inofensivas, à medida que a orquestra reforça a sua estética clássica. De repente, somos abalados violentamente por “Marrow”, uma faixa distorcida e angustiada. Há cordas estridentes, instrumentos de metais irritados e um tom ameaçador que este ausente na faixa anterior. “Speaking of Ghost” muda mais uma vez o rumo do álbum com sua trompa, clarinete e flauta. Intercalada por acordes de metais e cordas orquestrais, é uma faixa despojada e igualmente fantasmagórica. No entanto, cai na mesma armadilha da primeira faixa, já que os vocais de Channy Leaneagh não condiz com a produção. “Agree”, por sua vez, não causa qualquer impacto, principalmente por causa da repetição e sensibilidade pop.

Em contrapartida, “Cursed” é um dos melhores momentos do repertório. Há um maior sabor experimental com floreios obscuros, tambor frenético, cordas e vocais extremamente distorcidos. “Cursed” é uma faixa desconfortável por natureza, mas muito atraente e elegante. “How Is This Happening” é politicamente carregada e ultrapassa a marca de 10 minutos de duração. Ela apresenta um arranjo de cordas que sustenta as letras desesperadas de Leaneagh. Ademais, é minimalista no acompanhamento instrumental, contém efeitos de sintetizador e contínuos acordes de metais. Inicialmente, fornece um elogio desanimador do estado atual da política e, mais tarde, transforma-se numa peça cheia de ruídos e ritmos industriais. A faixa-título, “Music for the Long Emergency”, começa com uma seção instrumental levemente sinistra, antes de virar uma celebração otimista das perspectivas do amanhã. Sonoramente, contém piano, linhas de sintetizador e passagens instrumentais interligadas. A profundida que s t a r g a z e ofereceu para complementar às composições da Poliça ficou aquém do esperado. Além disso, contribuiu para deixar o repertório desarticulado e musicalmente abrasivo. Poliça tentou se reinventar, mas infelizmente não conseguiu um resultado satisfatório.

  • 52%
    SCORE - 52%
52%

Favorite Tracks:

“Speaking of Ghost” / “Cursed” / “Music for the Long Emergency”.

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.