Review: Maiara & Maraisa – Quem Ensinou Fui Eu

Lançamento: 23/02/2018
Gênero: Sertanejo
Produtor: Eduardo Pepato
Compositores: Lari Ferreira, Diego Silveira, Thales Lessa, Matheus Marcolino e Rafa Torres.

As gêmeas Maiara Carla Pereira e Carla Maraísa Pereira nascidas no Mato Grosso ficaram famosas como a dupla Maiara & Maraisa. Desde 2013 são conhecidas por escrever canções para outros duos, como Henrique & Juliano e Jorge & Mateus. Aliás, os dois últimos foram peças importantes no sucesso das gêmeas. Elas estouraram em 2016 com seu primeiro álbum, “Ao Vivo em Goiânia”, ao ficarem conhecidas como “As Patroas”. Neste álbum ao vivo, elas apresentaram canções que fizeram muito sucesso, como “10%” e “Medo Bobo”. Seu segundo disco, “Ao Vivo em Campo Grande” (2017), cumpriu com as expectativas e também foram muito bem comercialmente. Entre os maiores hits do segundo álbum, encontra-se “Você Faz Falta Aqui”, “Sorte Que Cê Beija Bem” e “Bengala e Crochê”. No momento, Maiara & Maraisa estão se preparando para lançar um novo CD/DVD. O primeiro single do mesmo, chamado “Quem Ensinou Fui Eu”, foi lançado em 23 de fevereiro de 2018. Não dá para negar que as irmãs são muito talentosas e uma das duplas de maior sucesso do momento. Entretanto, diferente das cativantes “10%”, “Medo Bobo” e “Sorte Que Cê Beija Bem”, este novo single é bem boring.

Aqui, elas não souberam fazer uso da mesma qualidade das três citadas. “Quem Ensinou Fui Eu” não possui um refrão grudento como o de “10%”, a beleza instrumental de “Medo Bobo” e muito menos uma melodia pegajosa como a de “Sorte Que Cê Beija Bem”. Liricamente, as irmãs falam sobre um ex-namorado que agora está com outra mulher. Elas debocham da situação, cantando linhas como: “Tá tirando onda aí com o meu ex-namoradinho / Passando na boca que era minha / Coitada, já caiu na conversinha”. Sobre sons de acordeão, acordes de violão e batidas de tambor, Maiara & Maraisa expõe o ex-namorado insinuando que ele não quer nada sério: “Mas eu não dou um mês, parece até replay / A gente larga, ele arruma uma trouxa / Pra passar ciúme em mim outra vez”. Depois dos refrões, outros instrumentos e efeitos sonoros aparecem a fim de causar alguma dinâmica. “Se ele te beija gostoso / Dá um amasso cabuloso / Quem ensinou fui eu / Quem ensinou fui eu / Se ele faz a noite inteira / Pede pra falar besteira / Quem ensinou fui eu / Quem ensinou fui eu”, elas cantam no repetitivo e simplista refrão.

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.