Review: Katy Perry – Never Really Over

Há pouco mais de uma década, Katy Perry deu início a uma invejável sequência de sucessos. Agora, depois de celebrar uma temporada bem-sucedida como jurada do American Idol, ela lançou um novo hino sobre crescimento. Essa faixa marca o seu primeiro single solo desde que o ciclo do “Witness” (2017) terminou. No final do ano passado, Perry lançou uma faixa natalina intitulada “Cozy Little Christmas”, antes de revelar uma colaboração com o Zedd chamada “365” e auxiliar Daddy Yankee no remix de “Con Calma”. “Never Really Over” explora o contraste simbólico das experiências de luz e escuridão de um relacionamento. Não importa como a coisa termine, ela nunca realmente acaba. Sempre haverá algum tipo de sentimento ligado a essa pessoa e algumas perguntas sempre vão aparecer em sua mente. Voltando às suas raízes sonhadoras, “Never Really Over” flutua naquele mundo crossover de pop e EDM que o Zedd costuma apresentar em seus trabalhos. Mas o refrão explora um sentimento nostálgico dos anos 80 que é completamente despreocupado, eufórico e divertido. Vai fazer você sorrir imediatamente e querer apenas dançar sobre suas lágrimas. A música usa “Love You Like That” da norueguesa Dagny como base principal, dando a Katy Perry uma boa plataforma para trabalhar sua mágica. Ela mantém as frases em staccato da música original, mas oferece vocais mais confiantes e desafiadores.

Enquanto alguns podem achar um retrocesso para a era “Teenage Dream” (2010), as letras refletem uma maturidade que só vem com a experiência. Liricamente, “Never Really Over” a encontra lutando com a ambivalência residual de uma antiga paixão. “Já faz dois anos, mas num piscar de olhos / Minha mente ainda me faz voltar”, ela canta. “Achei que já tinha acabado, mas acho que nunca acaba de verdade”. A música realmente decola após o maravilhoso, melódico e peculiar pré-refrão. Se Katy Perry olhou para o futuro durante o “Witness” (2017), ela explora o passado no videoclipe desta faixa. Mas em vez de voltar para o visual retrô e moreno de sua época de ouro, ela opta por uma longa peruca loira e uma estética hippie inspirada nos anos 70. Filmado em Malibu, o vídeo acontece dentro de um complexo onde Perry participa de um retiro em busca de cura pessoal. Ela faz uso de medicina alternativa, como acupuntura e reiki, ora em volta de uma fogueira, pratica ioga e colhe suas próprias lágrimas. Produzido por Zedd e Dreamlab, “Never Really Over” possui sintetizadores propulsivos, acordes de piano, sons de relógio, percussão marcial e uma batida house estável. Uma canção electropop que recorda um momento do passado, mas de alguma forma não soa datada. “Never Really Over” traça um caminho cativante e bastante promissor, enquanto captura uma paixão conflitante e difícil de se esquecer. Em suma, o refrão é um verdadeiro trava-língua.

São Paulo, profissional de Recursos Humanos, apaixonado por músicas, filmes, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.