Review: James Morrison – You’re Stronger Than You Know (2019)

Lançamento: 08/03/2019
Gênero: Pop, Soul
Gravadora: Stanley Park
Produtor: Mark Taylor

Em “You’re Stronger Than You Know”, James Morrison está livre de todas as restrições que a pressão comercial e a gravadora impuseram sobre ele no passado.

Já se passaram 13 anos desde que James Morrison atingiu o estrelato internacional com seu álbum de estréia, “Undiscovered” (2006). Combinando o pop e o soul, o cantor e compositor britânico tornou-se um item marcante nas rádios com hits como “You Give Me Something”, “Wonderful World”, “You Make It Real” e “Broken Strings” (com Nelly Furtado). Os fãs foram arrebatados pela beleza de sua voz, bem como pela honestidade de suas composições imediatamente relatáveis. Foi o resultado de uma sequência de seguidores que resultou em dois álbuns no topo das paradas, 7 milhões de vendas e um BRIT Award. Depois de quatro álbuns de estúdio, Morrison foi dispensado de sua gravadora, enquanto seu último álbum, “Higher Than Here”, foi lançado em 2015. Após passar por um período tumultuado em sua vida pessoal, ele está de volta com um quinto LP, intitulado “You’re Stronger Than You Know”. É uma versão moderna e britânica de um clássico do soul que possui influências de artistas como Van Morrison, Otis Redding, The Band e Dusty Springfield. O poder, a ternura e finesse de seu vocal só podem vir de um homem que tenha experimentado tudo o que ele está cantando. James Morrison está entre os músicos mais emotivos da Inglaterra que surgiram na década passada. Apesar de ser subestimado, ele possui um conjunto vocal poderoso, bem como um catálogo com algumas músicas maravilhosas.

Depois de escutar esse registro, você pode dizer que Morrison fez algo que ele estava desesperado para fazer. A produção polida de seus primeiros quatro discos se foi e em seu lugar está uma coleção mais crua e orgânica. Isso não significa que as coisas que você amava desapareceram. Sua voz soa melhor do que nunca, e sua música ainda é cativante e memorável. O repertório abre com “My Love Goes On” apresentando Joss Stone, que foi o óbvio primeiro single. É um número crescente com uma batida contundente e fortes vocais de ambos artistas. Eles se complementam muito bem, por isso você se pergunta por que nunca gravaram uma música juntos antes. Tanto Morrison quanto Stone fornecem uma performance eletrizante. Em relação à forma, “My Love Goes On” é relativamente simples, ao passo que a produção geral tem muitos instrumentos que valem a pena, incluindo o órgão, violão, piano e a bateria. Se não fosse pela qualidade questionável da gravação, seria uma canção muito melhor. Essa música dá o tom para o conjunto e há muito para apreciar e descompactar. A segunda faixa, “Brighter Kind of Love”, permite que sua voz realmente brilhe, especialmente nos primeiros 30 segundos, quando a instrumentação é incrivelmente escassa. Ela abre como uma jam de soul muito bem disposta. Soa solta e livre, com o tom rouco dirigindo completamente a melodia.

A primeira balada do álbum, “So Beautiful”, é outra verdadeira vitrine para as habilidades vocais do James Morrison. Acompanhado por um piano e uma batida suave, sua voz brilha com paixão e emoção. Ela irradia positivamente dos alto-falantes e é definitivamente uma futura canção de casamento para os fãs. Em outra parte do registro, a faixa-título é um puro retrocesso de soul, “Slowly” empurra seus vocais para liberar todo o seu potencial, e “I Still Need You” tem alguns surpreendentes elementos de country e blues. “Don’t Wanna Lose You Now” é uma música que provavelmente será a favorita de muitos ouvintes. Morrison luta para manter um relacionamento em um ritmo preguiçoso que faz você ansiar pelos dias de verão que estão chegando. A faixa de destaque é inesperadamente a última do repertório, “Until the Stars Go Out”. Um dos momentos mais despojados do álbum, onde os vocais do James Morrison estão completamente emotivos. Liricamente, essa canção fala sobre estar um pouco perdido no mundo, mas com alguém que você pode contar para ajudá-lo. “You’re Stronger Than You Know” nos lembra o porquê Morrison vendeu milhões de álbuns em sua carreira. É tudo sobre essa voz e, pela primeira vez, sinto que estamos livres de todas as restrições que a pressão comercial e a gravadora impuseram sobre ele no passado. Parece um verdadeiro reflexo do seu talento e pode ser considerado o seu melhor trabalho até então.

  • 68%
    SCORE - 68%
68%

São Paulo, profissional de Recursos Humanos, apaixonado por músicas, filmes, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.