Review: Disturbed – The Sound of Silence

Álbum: Immortalized
Lançamento: 07/12/2015
Gênero: Rock
Produtor: Kevin Churko
Compositor: Paul Simon.

A banda Disturbed lançou, em 07 de dezembro de 2015, a canção “The Sound of Silence” como terceiro single do álbum “Immortalized”. A música é um cover de um clássico do duo Simon & Garfunkel, lançado originalmente em 1964. Foi uma escolha surpreendente da banda cobrir um clássico tão popular como este. A versão original é um folk-rock escrito por Paul Simon entre os anos de 1963 e 1964. Ao longo da história, a canção foi regravada inúmeras vezes por outros artistas. Geralmente, covers deixam muito a desejar e acabam sendo desnecessários, por não se igualarem à versão original.

Chega a ser estranho imaginar que uma banda de heavy metal, como o Disturbed, resolveu gravar uma música tão leve como “The Sound of Silence”. Mas, felizmente, a banda fez isso da melhor maneira possível, pois apresentou sua própria versão da canção e trouxe novos elementos para a mesma. O cover é mais expressivo e excessivamente dramático, enquanto faz a banda sair de sua zona de conforto. É uma versão suave, com forte presença dos vocais de David Draiman, um piano e uma bela orquestração. Seu canto é rebuscado, sofisticado e muito profundo.

Consequentemente, Draiman mostra um lado diferente de sua voz, ao oferecer uma performance mais suave, limpa e com novas texturas. A vulnerabilidade exibida através de sua voz é impressionante e inesperada. Os riffs de piano são verdadeiramente delicados, enquanto a guitarra acústica é de arrepiar. A incorporação de cordas orquestrais e novos arranjos deu à música uma nova e atraente atmosfera. Por fim, “The Sound of Silence” deu a oportunidade para o Disturbed exibir um lado raramente mostrado. É sem dúvida a faixa de maior destaque do mais recente álbum da banda.

75

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.