Resenha: Letrux – Letrux em Noite de Climão

Lançamento: 10/07/2017
Gênero: Synthpop, Pop Rock
Gravadora: Joia Moderna / Tratore
Produtores: Arthur Braganti e Natália Carrera.

Após o fim do duo Letuce, formado ao lado do guitarrista e ex-marido Lucas Vasconcellos, Letícia Novaes resolveu partir em carreira solo adotando a alcunha Letrux. Intitulado “Letrux em Noite de Climão”, é o seu primeiro álbum de inéditas desde o “Estilhaça (2015)” (último disco do Letuce). Lançado em 10 de julho de 2017, o álbum é construído por uma estrutura sintetizada, eletrônica e oitentista. As onze faixas disponíveis foram produzidas por Arthur Braganti (sintetizadores e teclados) e Natália Carrera (guitarra e programação). Cheio de sensualidade e clima noturno, o álbum assume uma identidade evocativa e extremamente oitentista. Pode não ser um disco perfeito, no entanto, é mais agradável do que os projetos lançados pelo Letuce. O duo era um ato de MPB, porém, com o fim do casamento, Letícia Novaes resolveu seguir uma outra sonoridade. Desta vez, a cantora carioca quis trabalhar em cima de melodias sintetizadas e colocar o seu foco no passado.

Ademais, o divórcio foi uma das principais inspirações para as letras do álbum. Premiado como “Melhor Disco” pelo Superjúri do Prêmio Multishow de Música Brasileira de 2017, “Letrux em Noite de Climão” possui uma moldura eletrônica incrivelmente cativante e pegajosa. O baixo de Thiago Rabello e a bateria de Lourenço Vasconcellos, além dos sintetizadores, guitarras e teclados estão no ponto. Além de explorar o synthpop oitentista, Letrux combinou alguns experimentalismos sedutores em meio a música disco. O teclado de “Que Estrago” e a natureza dançante de “Flerte Revival” são muito infecciosos. Apesar da produção e melodias serem consistentes, as letras acabam ficam um pouco aquém do esperado. Mesmo assim, não dá para negar que o álbum possui várias joias escondidas dentro dele. Em pouco mais de 40 minutos de duração, Letícia Novaes conseguiu dar um passo a frente após a dissolução do Letuce.

Favorite Tracks: “Ninguém Perguntou Por Você”, “Que Estrago” e “Flerte Revival”.

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.