Best New Track: Taylor Swift – Look What You Made Me Do

Lançamento: 25/08/2017
Gênero: Dance-pop, Eletropop
Produtor: Jack Antonoff
Escritores: Taylor Swift, Jack Antonoff, Fred Fairbrass, Richard Fairbrass e Rob Manzoli.

“Me desculpa, mas a antiga Taylor não pode atender o telefone agora / Por quê? Oh, porque ela está morta”, Taylor Swift diz no seu novo single “Look What You Made Me Do”. Não é incomum no mundo da música vermos um artista sofrendo uma drástica mudança de estilo e som. A mais recente evolução de Taylor Swift é uma das mais radicais dos últimos anos. Enquanto suas canções do passado foram mascaradas por uma imagem inocente e ingênua, ela agora está destemida, confiante e mais vingativa do que nunca. Em 25 de agosto, a cantora de 27 anos lançou “Look What You Made Me Do” como primeiro single do seu próximo álbum, intitulado “Reputation”. Swift escreveu a música com Jack Antonoff, enquanto Richard Fairbrass, Fred Fairbrass e Rob Manzoli, membros do grupo Right Said Fred, são creditados como compositores porque a música usa a melodia de “I’m Too Sexy”. Ao colocarmos “Love Story” ao lado de “Look What You Made Me Do”, podemos até pensar que elas são interpretadas por diferentes cantoras. Enquanto “Love Story” é um county-pop açucarado inspirado por um romance Shakesperiano, “Look What You Made Me Do” é um eletropop e dance-pop assustador.

A imagem imaculada cuidadosamente criada por Taylor Swift começou a desmoronar depois do feud com Katy Perry e a exposed party de Kim Kardashian no ano passado. Nas redes sociais muitos pessoas começaram a chamá-la de “cobra”, mas, aparentemente, Swift resolveu incorporar tal apelido. Nos últimos dias, ela preparou os ouvintes com vídeos de uma cobra em seu Instagram. Não surpreendentemente, há algumas cobras no videoclipe da música. Com o lançamento do seu bem-sucedido álbum “1989”, Taylot Swift completou sua transformação de compositora country para um popstar mundialmente conhecida. Com “Look What You Made Me Do” ela continua traçando esse caminho da melhor forma possível. As batidas são mais assustadoras do que nunca, graças à produção de Jack Antonoff, que trabalhou recentemente no novo álbum da Lorde. Obviamente, essa canção é dirigida para os inimigos que Taylor Swift fez ao longo dos anos. Aparentemente, as letras são direcionadas para Kanye West, Kim Kardashian e Katy Perry.

Como o título sugere, ela tenta culpá-los, mas sem admitir os seus próprios erros: “Eu não gosto dos seus joguinhos / Não gosto do seu palco inclinado / Do papel que você me fez passar / De idiota / Não, eu não gosto de você / Eu não gosto do seu crime perfeito / De como você ri quando mente”. Enquanto nós testemunhamos uma Taylor Swift pura ao longo dos anos, parece que sempre houve uma pessoa sinistra por trás de sua fachada. Em “Look What You Made Me Do”, ela finalmente deixou o seu verdadeiro lado vir à tona, enquanto é apoiada por uma produção dramática e consistente. Um piano assombroso e algumas cordas fornecem uma introdução gótica para a música, antes que os vocais de Taylor Swift apareçam sob um ritmo de bateria e uma linha pesada de baixo. Inicialmente, os dois primeiros versos seguem o mesmo padrão. A batida sincopada foi emprestada de “I’m Too Sexy” (Right Said Fred), que funciona de forma estranha, mas ao mesmo tempo viciante e infecciosa. Não há dúvida que a música é extremamente repetitiva, principalmente o refrão. A maioria das palavras são cantadas na mesma nota, porém, com sintetizadores atmosféricos criando uma grande tensão.

Debaixo das letras, os sintetizadores e efeitos distorcidos provam que “Look What You Made Me Do” é a canção mais obscura de sua carreira. O fato mais chocante sobre este novo single é a drástica mudança de imagem da boa Taylor Swift. Mesmo com algumas faixas vingativas, como “Blank Space” e “Bad Blood”, ela ainda possuía uma postura de vítima inocente. Entretanto, nessa nova música, ela canta durante a ponte: “Eu não confio em ninguém / E ninguém confia em mim / Eu serei a atriz / Estrelando em seus pesadelos”. São letras que nos mostram o lado mais sombrio de Taylor Swift, algo nunca destilado de forma tão direta. A atmosfera contraída dentro dos primeiros versos da música é muito boa, enquanto a totalidade de “Look What You Made Me Do” é escura e cativante. Além disso, eu também gostei da sequência de cordas de piano que interrompem, de vez em quando, as batidas eletropop da canção. A nova Taylor Swift está cheia de vigor e pronta para lançar o seu sexto álbum de estúdio, previsto para o dia 10 de novembro de 2017. Portanto, vamos aguardar ansiosamente o que está por vir!

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.