Best New Music: Metro Boomin – Don’t Come Out the House (with 21 Savage)

Lançamento: 02/11/2018
Gênero: Hip hop, Trap
Produtores: Metro Boomin, Tay Keith e Allen Ritter
Compositores: Leland Wayne, Brytavious Chambers e Shayaa Abraham-Joseph.

Essa semana, Metro Boomin decidiu lançar inesperadamente um álbum solo, intitulado “Not All Heroes Wear Capes” (2018). O repertório formado por treze faixas apresenta artistas como Gucci Mane, Travi$ Scott, 21 Savage, Swae Lee, Young Thug, Offset, Kodak Black e Drake. 21 Savage aparece em três faixas, mas nenhuma outra supera sua performance em “Don’t Come Out the House”. Ele está simplesmente assustador! Quando ele sussurra parece que está chegando pelos nossos fones de ouvido. Nós sabíamos que 21 Savage seria capaz de uma performance como essa, mas ele está surpreendentemente no seu melhor. Como mencionado, o rapper de Atlanta aparece várias vezes ao longo da tracklist, mas seu desempenho em “Don’t Come Out the House” é fascinante. Ele adota um fluxo sussurrado sobre a batida, navega em novos territórios e se afasta de seu tom habitual. Sem dúvida, Metro Boomin conseguiu tirar o melhor proveito do 21, assim como dos demais artistas que aparecem no projeto. “Don’t Come Out the House” já pode ser considerada uma das melhores colaborações entre os dois. 21 Savage traz seu estilo rígido antes de apresentar um sussurro sombrio que estabelece um ambiente completamente assustador. Ele literalmente assassina a batida! É mais aterrorizante que muitos filmes de terror que eu vi este ano.

Aqui, liricamente, 21 Savage faz o que faz melhor – rap sobre a realidade brutal de sua criação, enquanto detalha por que outros rappers estão falidos. Mas ele não sussurra a música inteira, tanto que diz ao ouvintes: “Vocês devem ter pensado que eu ia sussurrar o tempo todo”. De repente, ele muda de marcha, o teclado se sobressai e fornece um rap consistente que, entre outras coisas, diz: “Quem quer atirar porque eu quero atirar, tive um sonho foda sobre treta”. Metro Boomin e 21 Savage costumam fazer uma ótima dupla. Eles possuem uma química realmente poderosa – não é à toa que lançaram juntos dois projetos memoráveis: “Savage Mode” (2016) e “Without Warning” (2017). E “Don’t Come Out the House” é um verdadeiro destaque, desde os sussurros sinistros até a produção cheia de suspense. Tudo em tudo, 21 relembra principalmente do seu passado sombrio: “Com 13 anos cometi meu primeiro crime (…) / Slaughter Gang, então eu guardo uma faca, mano / Todas essas mortes, não consigo dormir a noite, mano”. Co-produzido por Tay Keith, esta faixa poderia facilmente fazer parte do “Without Warning” (2017), projeto lançado no Halloween de 2017. Suas letras são eficazes, principalmente quando estão tão equiparadas com o personagem violento do 21. Se “Don’t Come Out the House” tem alguma concorrência à sua altura é justamente a outra contribuição de 21 Savage, “10 Freaky Girls”. Ou seja, com Metro Boomin por trás, 21 Savage consegue extrair o melhor de si mesmo.

São Paulo, 22 anos, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas e séries. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.