Best New Music: Charli XCX – No Angel

Lançamento: 29/06/2018
Gênero: Pop
Produtores: The Invisible Men e SOPHIE
Compositores: Charlotte Aitchison, Sophie Xeon, George Astasio, Jason Pebworth e Jon Shave.

Além de apoiar Taylor Swift em sua turnê mundial, Charli XCX tem lançado várias músicas durante o ano. Apenas em 2018, ela apareceu em singles como “Girls” (com Rita Ora, Cardi B e Bebe Rexha), “Bitches” (com Tove Lo, ALMA, Icona Pop e Elliphant) e “Moonlight” (com Lil Xan). E, depois de compartilhar “5 in the Morning” com o público, XCX está de volta com duas novas músicas, “Focus” e “No Angel”. Enquanto a primeira tem a produção sintetizada de AG Cook e Jack & Coke, a segunda é um produto do trio The Invisible Men e da SOPHIE. Apesar do emparelhamento, as duas faixas são divididas por diferentes eras da Charli XCX. “Focus” é um banger mais parecido com sua mixtape “Pop 2” (2017). Isso faz muito sentido, já que foi produzida por membros da PC Music. “No Angel”, por sua vez, foi apresentada pela primeira vez pela SOPHIE durante um show em Sydney dois anos atrás. Portanto, é um grande alívio vê-la finalmente sendo lançada em estúdio. É uma espécie de retorno aos seus dois primeiros álbuns, onde XCX estava mais interessada em fazer um pop intocável.

Musicalmente, “No Angel” é um hino saltitante com sintetizadores oitentistas e uma cativante linha de baixo. Embora seja uma música eletrônica, também contém fortes influências de hip-hop. Em seu conteúdo lírico vemos a cantora admitindo suas falhas e imperfeições, mas sem tentar mudar quem ela é. “Sempre fui um pouco acelerada e selvagem / Minha mãe sempre disse que eu era uma criança problemática / Eu só vou viver até o dia que eu morrer / É tudo que eu sei / É assim que eu faço”, ela admite no primeiro verso. Mais tarde, no segundo verso, ela continua: “O momento que você me viu você ficou hipnotizado / Aposto que você provavelmente pensou que eu era seu passeio ou a morte / Não quero estourar sua bolha, mas eu menti e enganei / É a verdade, eu sou uma má notícia”. Mas no refrão, ela mostra que pode aprender com os erros: “Não me deixe, não me deixe ir / Eu só quero que você saiba que eu não sou nenhum anjo / Mas eu posso aprender”. Os lúdicos vocais da Charli são acompanhados por uma produção pop moderna. Sua atitude agressiva é outro forte ponto de venda. Excelente música!

São Paulo, formado em Recursos Humanos, apaixonado por músicas, séries e animes. Fã dos Beatles, amante do futebol e palmeirense fanático.